Politica

22/05/2020 16:00

Vídeo. Bolsonarista que agrediu enfermeiras volta a atacar: “Vagabunda”

Conhecido nacionalmente após agredir enfermeiras durante uma manifestação pacífica em Brasília, o defensor do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) Renan da Silva Sena voltou a ofender populares, nesta quinta-feira (21/05), durante ato na Esplanada dos Ministérios. Desta vez, mirou numa mulher negra que passava pelo local onde estavam aglomerados integrantes do grupo 300 do Brasil.

Ao participar de protesto favorável ao titular do Palácio do Planalto, o extremista passou a direcionar ofensas e agressões verbais para a uma pedestre que estava desacompanhada e sem itens nas vestimentas que pudessem identificá-la se integrava a defesa ou a oposição do chefe do Executivo. O momento exato foi gravado pela repórter fotográfica do Metrópoles, Rafaela Felicciano.

“Assassina, ‘abortista’. Enfia esse dedo na sua bunda. Vai botar o dedo para a sua mãe. Está gravando o que, assassina? Vocês são covardes, assassinos de crianças. Vagabunda, assassina de crianças”, gritava, enquanto seguia a mulher.

Sem muita firmeza, uma acompanhante do agressor tentou acalmá-lo, mas não obteve sucesso.


Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo