Politica

21/05/2020 15:12

Vereador Juca do Guaraná Filho solicita a inclusão de picolezeiros e pipoqueiros aos beneficiados no programa Renda Solidária Cuiabá

ALINE BARBOSA 

O vereador, Juca do Guaraná Filho (MDB), solicitou ao poder executivo municipal a ampliação do alcance do programa Renda Solidária Cuiabá para a inclusão de picolezeiro e pipoqueiros, juntamente dos outros 1.600 trabalhadores autônomos que estão inscritos no cadastro da Prefeitura de Cuiabá.

"Além de serem profissionais autônomos muito presentes em nossa cultura e em nosso imaginário popular, eles sofrem mais com a falta de circulação de pessoas nas ruas e possuem renda muito baixa", frisa Juca - que garante que já obteve o sinal verde do prefeito para a emenda.

O projeto ‘Renda Solidária Cuiabá’ foi aprovado no sábado, 16, em sessão ordinária, afim, de proporcionar um auxílio no valor de R$ 500 reais a feirantes, carroceiros, catadores de recicláveis, transporte escolar, ambulantes e demais comerciantes de gênero alimentício que desenvolvam atividades em logradouros públicos. Para terem direito ao recurso, estes profissionais terão que comprovar o exercício da atividade mediante inscrições nos cadastros municipais.

 “O meu requerimento neste programa é de caráter de urgência. Esses profissionais estão passando pelas mesmas dificuldades de outros autônomos do setor alimentício. O isolamento social é muito importante para evitar a proliferação do Covid-19, porém, muitos pais e mães de família estão sem renda para o próprio sustento”, destaca Juca do Guaraná Filho.

O executivo remanejará um total de R$ 2.530.500 de seu orçamento para subsidiar o programa pelo período de 90 dias. Ou seja, os profissionais que preencherem os critérios, deverão receber três parcelas de R$ 500.

 

 

 

 

 


Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo